Como melhorar a taxa de conversão do site da minha empresa?

Como melhorar a taxa de conversão do site da minha empresa?

Dentre as vantagens do marketing digital está a ausência de “achismos” acerca dos rumos das estratégias de divulgação de um produto ou serviço. A maioria dos resultados pode ser mensurável e, portanto, eles são otimizáveis. Por isto, uma vez que você tenha o objetivo do seu site em mente, o próximo passo é definir os KPI’s (key performance indicators) do seu negócio.

Um indicador bastante procurado, especialmente em casos de e-commerce, é a taxa de conversão. Você sabe qual a importância dela, como mensurá-la e o que pode atrapalhá-la? Confira as nossas dicas de boas práticas para mensuração e otimização da taxa de conversão do seu site!

Afinal, o que é taxa de conversão?

A taxa de conversão não diz respeito a somente uma métrica. Na verdade, trata-se de metas importantes definidas para o seu site em relação ao produto ou serviço de sua organização. Assim, você transforma um internauta interessado em uma internauta ativo. Em um e-commerce, por exemplo, a taxa de conversão será medida pelo volume de vendas.

Comece pelo diagnóstico

O primeiro passo para aumentar a sua taxa de conversão é analisar, identificar problemas e oportunidades em seu site. Verifique atentamente os processos de compra e cadastro. Observe se há uma página de dúvidas frequentes para que os usuários possam consultar. Implante e realize testes com o atendimento online. A navegação do usuário deve ser fluida e, portanto, simples e objetiva.

Identifique e atenda às necessidades de seu cliente ideal

Apesar de o Brasil ter um idioma unificado, o país possui diferentes culturas e hábitos de consumo. Estes comportamentos precisam ser identificados e analisados através do behavioral target. Assim, tecnologias, local de acesso, gênero, dentre outros aspectos serão levantados para que você utilize mecanismos eficientes para aproximação destes públicos. Além do behavioral target, faça uso das tradicionais pesquisas de mercado e trace a sua buyer persona. Desta forma, será possível identificar em qual estágio do funil de vendas os seus públicos estão.

Após traçar o perfil da sua buyer persona, munido de pesquisas de público, identifique as necessidades de seu cliente ideal ligadas aos seu produto ou serviço. Assim, cada página do site de sua organização precisa ter como objetivo a demonstração de que a sua solução atende às necessidades do cliente ideal. Despertar o desejo de compra envolve a integração de diversos valores emocionais. Instigue o desejo de seus potenciais clientes e tenha em mente que você precisa encantá-los.

Apresente justificativas racionais para  a escolha de seu produto ou serviço

Após criar afinidade com a solução oferecida por sua empresa, o cliente em potencial  buscará por argumentos racionais para justificar a escolha.  Preocupe-se em apresentar de maneira objetiva qual é a sua solução, quais as suas vantagens, como ela pode ser adquirida.  Verifique os detalhes, como a ausência de erros gramáticais na descrição e a apresentação de imagens em boa resolução sobre os produtos oferecidos por sua organização. Se você busca melhorar a conversão em seu e-commerce, atente-se às thumbnails: elas são a primeira impressão visual que o usuário terá de seu produto.

Testes A/B e Multivariáveis

Através dos testes, avaliamos qual cor, posição de elementos visuais, fontes tipográficas, formato, dentre outros, convertem mais e otimizam as nossas páginas. Os testes A/B ajudam a verificar duas variações diferentes de páginas. Os Testes Multivariáveis, por outro lado, são usados para testar uma variação maior de elementos em uma página. Ferramentas gratuitas, como o Google Website Optimizer, podem ajudar na realização destes testes. Além dele, são também indicados o Test&Target da Adobe, que possui integração com o Site Catalyst, o SiteSpect e o Optimizely.

O que pode atrapalhar a taxa de conversão em um site?

Além do uso de uma linguagem inapropriada para os públicos, o uso de campos desnecessários, obstáculos para encontrar as informações corretas, uma landing page incompleta, falta de segurança, dentre outros, podem prejudicar bastante a taxa de conversão de um site. Daí a importância de estudos de público, a realização de testes A/B e de funcionamento do seu site. Na dinâmica virtual, uma dúvida não solucionada afasta potenciais clientes com apenas alguns cliques.

Está pronto para melhorar a taxa de conversão do seu site? Lembre-se de traçar também estratégias para manter um relacionamento pós-compra, que também se estende a cadastros. Assim, a sua relação com o cliente ficará mais forte, estimulando não só o retorno dele ao seu site como também a recomendação entre familiares e amigos. Gostou de nossas dicas sobre a taxa de conversão? Leia também as nossas sugestões para transformar público online em clientes! Se você possui dúvidas e sugestões sobre a taxa de conversão de um site, comente aqui!

Share Button

Deixe um Comentário

Comentário

Artigos Relacionados